domingo, 28 de novembro de 2010

JAIME COELHO

(Jaime Gualdino Coelho,8/5/1920, Loulé)
Defesa
36/37-Farense---------reservas
37/38-inactivo
38/39-Louletano-------Region.
39/40-Louletano-------Region.
40/41-Leões Santarém--II
41/42-Olhanense-------I
42/43-
43/44-
44/45-
45/46-
46/47-Lusitano Évora--II

47/48-Lusitano Évora--II
48/49-inactivo
49/50-Atlético Loulé--Region
50/51-Farense---------II
51/52-Farense-------
--II
52/53-Farense---------II




















































Jaime,o 4º em cima,no Lusitano de Évora em 1947
Ficha de Jaime no Sporting Clube Atlético de Loulé



Jaime Coelho,em cima,á esquerda,no Farense em 1950/51





















GRALHO

(Henrique Walter Gralho,4/11/1925,Faro)
Extremo-direito/Esquerdo

43/44-Farense------------res.
44/45-Farense------------II
45/46-Farense------------II
46/47-Desportivo Faro----II
47/48-Desportivo Faro----III
48/49-Farense------------II
49/50-
Farense------------II
50/51-Farense------------II
51/52-Farense------------II
52/53-Farense------------III
53/54-Farense------------II
54/55-Farense------------II
55/56-Farense------------II
56/57-Farense------------II
57/58-Unidos Sambrazense-III
58/59-
Farense------------II















 

























Atacante polivalente,que tanto jogava a
extremo(
á esquerda ou á direita),como a
interior,Walter Gralho fez parte das
equipas do Farense de
sde o inicio da
década de 40 at
é final dos anos 50,passando
pela fase em que o clube se designou por
Clube Desportivo de Faro.
Apenas no final da carreira,Walter Gralho,
filho de José de Deus Gralho e sobrinho de
Antonio Gralho,Jorge
Gralho e Joaquim Gralho,
todos eles históricos jogadores do Farense,
saiu do clube de Faro para representar o Unidos

Sambrazense por uma temporada,regressando
na época seguinte.








 Gralho,o 2º em baixo,da direita,no Farense em 1948/1949



 Gralho em destaque no Farense nos anos 50
 
 Gralho,o 2º em baixo,da direita,no Farense em 1954/1955







 Walter Gralho,o 3º em baixo,nos Unidos Sambrazense
em 1957/1958









sábado, 27 de novembro de 2010

NUNES

(José Rosa Dias Nunes,13/4/22,São Brás de Alportel)
Médio

40/41-Farense------------reservas
41/42-Farense------------II
42/43-Farense------------II
43/44-Estremoz F.C.------II
44/45-Farense------------II
45/46-Farense------------II
46/47-Desportivo Faro
----II
47/48-Desportivo Faro----III
48/49-Portimonense-------II
49/50-Portimonense-------II
50/51-inactivo
51/52-Farense------------II







































O antigo Árbitro internacional algarvio
José Rosa Nunes também foi jogador de futebol.
Jogador alto e corpulento,Nunes jogava
a médio centro e fez parte das equipas
do Farense dos
anos 40,tendo jogado
igualmente no período em que o clube
se denominou Clube Desportivo de Faro.
Depois de 2 temporadas no Portimonense,
num período em que o
clube de Portimão
lutava fortemente para subir
á 1ª Divisão,
José Rosa Nunes volta a Faro para terminar
a carreira de futebolista e iniciar o seu
percurso na arbitragem.

Nunes é um dos três árbitros algarvios que
chegaram a internacionais.Os outros foram
Francisco Silva e,o mais internacional de
todos,César Correia.





Rosa Nunes como árbitro











 





A equipa de arbitragem de Rosa Nunes,ao centro,em 
finais dos anos 60.O auxiliar da esquerda é 
Joaquim Rosa,outro antigo jogador do Farense.

































Artigo de António Matos sobre Rosa Nunes
no jornal "Farol da S
é" (clique na imagem para ampliar)







quinta-feira, 25 de novembro de 2010

ARMANDO

(Armando António Gonçalves,5/2/1935,Alcoutim)
Defesa / Médio

53/54-Farense------------jun.
54/55-Farense------------II
55/56-Farense------------II
56/57-Farense------------II
57/58-Farense------------II
58/59-Farense------------II
59/60-Lusitano V.R.S.A.--II
60/61-Farense------------II
61/62-Lusitano V.R.S.A.--II
62/63-Lusitano V.R.S.A.--II
63/64-Farense------------II
64/65-Farense------------II
65/66-Farense------------III
66/67-Farense------------III
67/68-Sport Faro Benfica-III
68/69-Farense------------III









































Armando Gonçalves,ou Armando "Cabinho",
como também era conhecido,foi um médio/
defesa que alternou a sua carreira
entre o Lusitano de V.R.S.A. e o Farense,
onde foi Campeão Distrital em duas ocasiões:
1965/66 e 1966/67.
Armando jogou ainda no Sport Faro e
Benfica onde foi treinado por uma outra
"velha glória" do Farense,Alfredo "Basora"
Jogador alto e corpulento,Armando foi
o primeiro jogador nascido na vila de
Alcoutim a fazer carreira nos campeonatos
nacionais de futebol.






Armando Gonçalves,á direita,"á cívil",no Farense em 1956/57
Armando Gonçalves,o 2º em cima,da direita,no Lusitano
de V.R.S.A. em 1959/60

Armando,o 2º em cima,da direita,em 1961/62 no Lusitano,
a sua única temporada no clube de Vila Real de 
Santo António


Armando,o 2º em cima,da direita,no Farense em 1963/64








Armando,o 2º em cima,da direita,no Farense


Armando Gonçalves,em cima,á direita,no Farense
em 1964/65

Armando,o 3º em cima,da esquerda,no Faro e Benfica 
em 1967/68


domingo, 14 de novembro de 2010

MADEIRA

(Jaime António Madeira,24/10/1920, São Brás de Alportel)
Defesa
39/40-
40/41-
41/42-
42/43-
A.C.Cascalheira   -Region.
43/44-A.C.Cascalheira-- -Region.
44/45-Lusitano V.R.S.A.--II
45/46-
Lusitano V.R.S.A.--II
46/47-Lusitano V.R.S.A.--II
47/48-Lusitano V.R.S.A.--I
48/49-Lusitano V.R.S.A.--I
49/50-Lusitano V.R.S.A.--I
50/51-Lusitano Évora-----II
51/52-Lusitano Évora-----II
52/53-
Lusitano Évora-----I
53/54-
54/55-











































Defesa alto e robusto nascido em S.Brás
e que,após jogar em clubes da zona de Lisboa
volta ao Algarve para ser titular na defesa
do Lusitano no melhor período da hist
ória
do clube vilarealense.
Foi com Madeira a titular que o Lusitano
conquistou o acçesso
á 1ª Divisão em 1946/47
onde se conseguiu manter durante 3 épocas
consecutivas.
Com a queda do Lusitano para o segundo
escalão,Jaime Madeira vai para outro
Lusitano,o de Évora,onde se veio
a sagrar
Campeão da 2ª Divisão,com nova subida
á
Divisão principal do nosso futebol em 1951/52.







Madeira,o 4º em cima,da esquerda,na equipa do
Lusitano que subiu á 1ªDivisão em 1946/47

Madeira,o 1º em cima,da esquerda,no Lusitano de V.R.S.A

Madeira,o 4º da direita,em cima,Campeao nacional da 
2ª Divisão como Lusitano de Évora em 51/52
























sábado, 6 de novembro de 2010

NUNES

(Paulo Manuel Viana Nunes,20/3/1964,Odeceixe-Aljezur)
Médio-centro

77/78-G.D.Amador Lagos--ini.
78/79-Portimonense------ini.

79/80-Portimonense------juv.
80/81-Portimonense------juv.
81/82-Portimonense------
jun.
82/83-Portimonense------I
83/84-Alvorense---------III
84/85-Lusitano Évora----II
85/86-Lusitano Évora----II
86/87-Silves------------III
87/88-Silves------------
II
88/89-Académico Viseu---I
89/90-Penafiel----------I
 
90/91-Benf.Cast. Branco-II H.
91/92-Benf.Cast. Branco-II H.
92/93-Vila Real---------II B
93/94-União Lamas-------II B
94/95-Uniã
o Lamas-------II H.
95/96-Esperança Lagos
---III
96/97-Esperança Lagos---III
97/98-Esperança Lagos
---III
98/99-Esperança Lagos---
III
99/00-Esperança Lagos---
III
















































O mais famoso jogador nascido na vila
de Odeceixe,Paulo Nunes teve uma longa
e s
ólida carreira,que o levou a jogar
em clubes do norte a sul do pa
ís.
Estreou-se na 1ª Divisão bem cedo,com
idade de júnior,no Portimonense em 1981/82,

tendo feito parte do plantel alvi-negro
a temporada seguinte na 1ªDivisão.
Representa o Alvorense em 1983/84 e na
época seguinte dá o salto para a 2ªDivisão,
no Lusitano de Évora.
Em 1986/87 volta ao Algarve para ajudar
o Silves na subida á 2ªDivisão,onde atuou
na época seguinte.
Em 1988/89 Nunes ruma ao norte,onde alcançou
os melhores momentos do seu percurso,
jogando na 1ª Divisão ao serviço do
Académico de Viseu (3 jogos),e Penafiel
(5 partidas),ao lado de outro algarvio,
Rui Manuel.
Foi titular no meio campo do Benfica de
Castelo Branco durante 2 temporadas,
totalizando 60 jogos e 2 golos na Divisão
de Honra.Subiu mais a norte,at
é Vila Real 
onde no clube local fez 32 jogos e
marcou 5 golos,já na 2ª Divisão B.
Após passagem pelo União de Lamas regressa
ao Algarve para mais 5 boas épocas no
Esperança de Lagos onde termina a carreira
de jogador.
Como treinador,Paulo Nunes já colecciona
alguns títulos como o Campeonato Ditrital
e a Taça do Algarve,ambos ganhos em 08/09
com o Esperança.





Nunes no Académico de Viseu














Nunes no Benfica de Castelo Branco























LINK para a Carreira de Treinador


sexta-feira, 5 de novembro de 2010

PACHECO

(José Caetano Pacheco,8/8/1921,Lagos)
Avançado / Interior

38/39-Marítimo "Os Lacobrigenses"-reserv.
39/40-Marítimo "Os Lacobrigenses"-Region
40/41-Marítimo "Os Lacobrigenses"-Region
41/42-Marítimo "Os Lacobrigenses"-Region
42/43-
43/44-
44/45-S.C.Angrense----------------Region.
45/46-Portimonense----------------II
46/47-
Portimonense----------------II
47/48-Portimonense----------------II
48/49-Portimonense----------------II
49/50-Portimonense----------------II
50/51-Portimonense----------------II
51/52-Portimonense----------------II
52/53-Portimonense----------------II

















 



















José Pacheco foi um atacante polivalente que 
começou por jogar no popular clube
de Lagos dos anos 30 e 40, C.F.Marítimo
"Os Lacobrigenses"
, filial dos lisboetas
"Os Belenenses".
Depois de algum tempo fora do futebol
algarvio,Pacheco regressa para representar
o Portimonense,que se vinha reforçando com
elementos de grande valor,como Gilberto,
Quintas,Vitoria,Estrelo,Moreira,Rocha,e os,
também lacobrigenses,Pintado e Manuel Afonso.
Na sua primeira época de alvi-negro,em 1945/46,
Pacheco foi titular numa equipa que quase
alcançava a t
ão almejada subida a 1ª Divisão,
vencendo a 2ª Divisão, Serie do Algarve,
perdendo depois, na segunda fase.
Continuaria no clube por muitos mais anos,
nem sempre titular mas sempre útil,ajudando
o clube a solidifcar a sua posição no segundo
escalão nacional.











 
Pacheco,o 2º em baixo,da direita,no Portimonense

Pacheco,em baixo,á esquerda,no Portimonense em 1946/47
José Pacheco,o 2º da direita,em baixo,ainda no 
Clube Marítimo "Os Lacobrigenses" de Lagos

PARRA

(Joaquim Parra de Sousa,1/4/1906,Vila Real de Santo António)
Guarda-redes

22/23-Glória F.C. V.R.S.A.----Region.
23/24-Glória F.C. V.R.S.A.----Region.
24/25-Glória F.C. V.R.S.A.----Region.
25/26-Glória F.C. V.R.S.A.----Region.
26/27-Glória F.C. V.R.S.A.----Region.
27/28-Glória F.C. V.R.S.A.----Region.
28/29-Glória F.C. V.R.S.A.----Region.
29/30-Glória F.C. V.R.S.A.----Region.
30/31-Glória F.C. V.R.S.A.----Region.
31/32-Glória F.C. V.R.S.A.----Region.
32/33-Glória F.C. V.R.S.A.----Region.
33/34-Glória F.C. V.R.S.A.----Region.
34/35-Glória F.C. V.R.S.A.----Region.
35/36-Glória F.C. V.R.S.A.----Region.
36/37-Olhanense---------------II
37/38-
Olhanense---------------II
38/39-Olhanense---------------II
39/40-Olhanense---------------II
40/41-Olhanense---------------II
41/42-Olhanense---------------I
42/43-Olhanense---------------I
43/44-Glória F.C. V.R.S.A.----II
44/45-Lusitano V.R.S.A.-------II












 















 



















Joaquim Parra foi um dos melhores Guarda-redes
algarvios dos anos 20 e 30,rivalizando com o
seu conterrâneo Diogo Barrocal do Lusitano.
Em 1930 Parra foi o titular da selecção do
Algarve numa partida realizada em Setúbal,
contra a selecção local.

Joaquim Parra alinhava também como jogador
de campo (Defesa),sendo por isso um elemento
polivalente na equipa do Glória de Vila Real 
de Santo António.
Depois de muitos anos representando o Gl
ória F.C.,
Parra recebe dos dirigentes deste clube a
"Carta de Desobrigação",famoso documento da
altura,que libertava os jogadores do clube de
origem,podendo estes depois assinarem pelo clube
que bem entendessem.
Assim Parra chegou ao Olhanense já com 30 anos,
tendo feito parte do plantel rubro-negro por
7 temporadas,sem nunca ter assumido a titularidade
da equipa principal,muito por culpa de Abraão,
o numero 1 inamovível do conjunto olhanense.
Ainda voltaria ao
Glória e terminaria no Lusitano,
ja próximo dos 40 anos.





Joaquim Parra,em baixo,ao centro,no Glória F.C. nos
anos 20

Parra na seleção do Algarve em 1930

Parra jogando a defesa no Glória em 1935

Joaquim Parra,ao meio em baixo,no Glória F.C.

Parra titular na baliza do Glória F.C. nos anos 30

Joaquim Parra alinhando como defesa do Glória em
1935/36

Parra no Olhanense






























Recortes retirados do livro "50 anos de
História do Futebol em Faro" de Raminhos Bispo