quinta-feira, 16 de janeiro de 2020

BARRIGA

(Francisco José Barriga Jesus,26/6/1960,Faro)
Médio
74/75-Farense-------------  -juv.
75/76-Farense-------------  -juv.
76/77-Farense-------------  -jun.
77/78-Farense-------------  -jun.
78/79-U.Gândara F.da Foz     Dist.
79/80-Silves--------------  -III
80/81-Louletano----------  --Dist.
81/82-Louletano----------  --III
82/83-Campinense---------  --III
83/84-Campinense---------  --III
84/85-Campinense----------  -II
85/86-Campinense----------  -III
86/87-Louletano-----------  -III
87/88-Quarteirense--------  -III
88/89-Quarteirense-------  --III
89/90-Leões de Tavira----  --III
90/91-Leões de Tavira----  --III
91/92-Leões de Tavira----  --III
92/93-Padernense---------  --III
93/94-Padernense----------  -III
94/95-Padernense----------  -III
95/96-Padernense----------  -III
96/97-Padernense---------  --III
97/98-Padernense------  -  --III
98/99-Quarteirense------  ---Dist.
99/00-Quarteirense           III
00/01-Quarteirense           III
 



























































Médio de ataque muito talentoso,Barriga 
foi Campeão Distrital em duas ocasiões:
No início da carreira,em 1980/1981, com o 
Louletano, e depois,mais tarde,com o 
Quarteirense em 1998/1999.
Pelo meio,Barriga fez boas temporadas com
várias subidas de Divisão e um título
nacional,o de Campeão da 3ªDivisão com
o Louletano em 1986/1987.
Barriga está também na primeira e única
subida do Campinense á 2ª Divisão em 1983/1984,
ficando na equipa de Loulé para a época
seguinte disputando o campeonato secundário.
Nos Leões de Tavira,onde esteve em 3 temporadas,
Barriga chegou a capitão de equipa,passando
em seguida para o Padernense,onde alinhou por
5 épocas,reencontrando Clara,Bentinho e Miguel,
jogadores que já tinham jogado juntos no 
Louletano,Quarteirense e Leões de Tavira.
Após terminar a carreira de jogador no futebol,
Barriga jogou Futsal algum tempo e continuou 
ligado ao futebol como treinador no Sambrazense 
e 11 Esperanças e alinhando na equipa de veteranos
do Farense.







Barriga,o 3º em baixo,da esquerda,nos juvenis do Farense

Barriga,o 2º em baixo,da esquerda,na seleção do Algarve 
de júniores

Barriga,autor de 2 golos pelo Campinense em 1983/1984
Barriga,em baixo,á direita,no Silves em 1979/1980


















Barriga,o 2º em baixo,capitão nos Leões de Tavira
em 1991/1992

Barriga marcou 7 golos nos Leões de Tavira em 1991/1992

Barriga,o 3º em baixo,da direita,no Louletano Campeão Distrital em 19801981
Barriga,o 2º em baixo,da esquerda,no Campinense onde 
subiu á 2ª Divisão em 1983/1984
Barriga,o 3º em baixo, da esquerda,no Padernense,nos melhores anos
 do clube na 3ª Divisão
Barriga,ao centro,em baixo,Campeão da 3ª Divisão com o
 Louletano em 1986/1987

terça-feira, 14 de janeiro de 2020

TERRUTA

(António Correia Terruta,1910,Silves)
Defesa / Médio
29/30-Silves              Region.
30/31-Silves              Region.
31/32-Silves              Region.
32/33-Silves              Region.
33/34-Silves              Region.
34/35-Sporting            I
35/36-Sporting            I
36/37-Onze Unidos Montijo Region.
37/38-Marvilense          II
38/39-Marvilense          II
39/40-Grandolense         Region.
40/41-Grandolense         Region. 





































Terruta começou a jogar no Silves F.C.
da sua terra natal,em finais dos anos 20.
Em 1931,António Terruta deu nas vistas num
jogo particular contra o Sporting,onde até
marcou um golo,não evitando a derrota dos
silvenses por 2 x 5.
Em 1934/1935,Terruta transfere-se exactamente
para o clube "leonino" onde faz duas temporadas.
Não sendo titular,António Terruta acaba por
fazer alguns jogos,sagrando-se Campeão Regional
de Lisboa em 1935/1936 pela equipa principal
e pela equipa de reservas,onde era presença mais
assídua.
Em 1936/1937,António Terruta vai jogar para o
Marvilense F.C.,onde fica algumas épocas a jogar
na 2ª Liga (2ªDivisão) antes de rumar ao
Alentejo para jogar os ultimos anos da carreira
no Sport Clube Grandolense.
António Terruta teve um irmão mais novo,Domingos
Terruta,que também foi jogador do Silves F.C.
e do Nacional de Silves.










 Terruta,em cima,á direita,no Silves em 1930






Terruta titular no Sporting em 1935/1936




 Terruta titular no Sporting em 1935/1936



Terruta no Marvilense em 1937/1938,vindo do Sporting
 Terruta no Marvilense em 1937/1938
 Terruta,o 3º da esquerda,no Grandolense

sexta-feira, 3 de janeiro de 2020

MORAES

(Carlos Fernando Moraes de Carvalho,29/6/1952,Pernambuco-Brasil)
Médio / Extremo
69-Ferro.Araraquara S.P. juv(Bras.)
70-Ferro.Araraquara S.P. jun(Bras.)
71-Santa Cruz Recife     I(Bras.)
71/72-Juventude Évora    III
72/73-Juventude Évora    III
73/74-Juventude Évora    III 
74/75-Juventude Évora    II
75/76-Juventude Évora    II
76/77-Olhanense          II
77/78-Olhanense          II
78/79-Olhanense          II
79/80-Olhanense          II
80/81-Farense            II
81/82-Farense            II
82/83-Campinense         III
83/84-Campinense         III
84/85-Campinense         II
85/86-S.L.Fuzeta         Dist.
86/87-Moncarapachense    Dist.
87/88-Moncarapachense    Dist.

















































O pernambucano Moraes chegou muito jovem a 
Portugal para jogar no Juventude Évora e
fazer toda a sua carreira no Futebol entre
o Alentejo e o Algarve.
Moraes alinhava no meio campo ou nas alas
e esteve na subida do Juventude á 2ª Divisão
em 1973/1974,quando o clube alentejano
ficou na 2º lugar na 3ª Divisão,Série D,
atrás do Estoril Praia.
Após duas temporadas na 2ª Divisão ao serviço
dos azuis e brancos eborenses,Moraes é
contratado pelo Olhanense onde faz 4 boas
épocas,alinhando sempre a titular,jogando
inclusive nas laterais da defesa rubro-negra.
Em 1980/1981,Moraes passa para Farense onde
permanece por duas temporadas,sempre na 2ª 
Divisão,onde reencontra João Luis e Carlos
Manuel "Xeira" com quem tinha jogado no
Olhanense.
Após o Farense,Moraes transfere-se para o
Campinense onde,fez parte da equipa que 
alcançou o maior feito da história do clube
de Loulé,a subida á 2ªDivisão em 1983/1984.
Moraes mantêm-se no Campinense mais uma época
e sai para o Sport Lisboa e Fuzeta em 1985/1986
passando para o Moncarapachense na época 
seguinte para terminar ai a carreira.








Moraes,o 2º em baixo,da esquerda,no Juventude de Évora 
nos primeiros anos em Portugal





Moraes a titular no Juventude de Évora em 1973/1974
Moraes,em baixo,á direita,no Juventude de Évora em
1975/1976
Moraes,á direita,no Olhanense
















Moraes a titular,alinhando pontualmente a defesa esquerdo
no Olhanense em 1979/1980

Moraes,em baixo,á direita,no Olhanense em 1978/1979

Moraes no Olhanense em 1979/1980
Moraes,o 2º em baixo,da direita,no Farense em 1980/1981

Moraes em baixo,á direita,no Campinense em 1982/1983

Moraes titular no Campinense em 1983/1984,na subida
á 2ª Divisão

sexta-feira, 20 de dezembro de 2019

PIRES

(José Cardoso Pires,25/10/1912,Assumar-Monforte)
Defesa
34/35-Sport L.Elvas    Region.
35/36-Sport L.Elvas    Region.
36/37-Sport L.Elvas    Region.
37/38-Sport L.Elvas    Region.
38/39-Sport L.Elvas    II
39/40-Sport L.Elvas    II
40/41-Sport L.Elvas    *
41/42-Sport L.Elvas    *
42/43-Sport L.Elvas    *
43/44-Sport L.Elvas    *
44/45-Sport L.Elvas    II
45/46-Sport L.Elvas    I
46/47-Sport L.Elvas    I
*apenas disputou jogos particulares e torneios
não federados





Pires foi um defesa que fez a sua carreira
no futebol alinhando no Sport Lisboa e Elvas,
clube filial do Sport Lisboa e Benfica 
fundado em 1925.
Durante o seu percurso de jogador,Pires
sofreu com a instabilidade do clube,ficando
sem jogar futebol federado durante alguns
anos por insuficiências financeiras e 
desentendimentos entre as direções mas
mesmo assim ficou ligado ao clube elvense
durante esse período,jogando partidas
amigáveis e torneios particulares que 
mantinham a equipa de futebol minimamente
ativa.
Pires era um defesa alto,normalmente o 
elemento mais alto da equipa,que atuava tanto
a defesa-direito como a defesa-esquerdo,no
antigo esquema do WM.
Em 1947,José Pires foi um dos elementos do
Sport Lisboa e Elvas que se opôs á decisão
de se fundir com o Sporting Clube Elvense
em 1947,que deu origem ao O Elvas C.A.D.,
e resolveu por um ponto final á sua carreira
de jogador.








Pires,o 3º em cima,da esquerda,no Sport Lisboa e
Elvas em 1940/1941









Pires,o 2º da direita,no Sport Lisboa e Elvas em 1942/1943











José Pires equipando-se nas bancadas do Estádio
Municipal de Elvas




















José Pires titular no S.L.Elvas em 1944/1945



Pires,o 6º da esquerda,no Sport Lisboa e Elvas em 1944/1945







Pires,o 2º em cima,da direita,no S.L.Elvas em 1945/1946
























































(Dados obtidos com a colaboração do filho de José Pires,Vlademiro Pires)

quarta-feira, 18 de dezembro de 2019

CRAVO

(Manuel Maria Francisco Cravo,14/6/1957,Quarteira)
Médio
72/73-Quarteirense        juv.
73/74-Quarteirense        juv.
74/75-Quarteirense        jun.
75/76-Quarteirense        III
76/77-Quarteirense        III
77/78-Quarteirense        III
78/79-Quarteirense        III
79/80-Quarteirense        Dist.
80/81-Campinense          III
81/82-Quarteirense        Dist.
82/83-Quarteirense        III
83/84-Quarteirense        III
84/85-Quarteirense        III
85/86-Quarteirense        III






































Cravo foi um médio com qualidade que começou
muito jovem a jogar a titular na equipa
sénior do C.D.R.Quarteirense,clube da sua
terra natal,Quarteira.
Foi mesmo no Quarteirense que Manuel Cravo
fez toda a sua carreira com a excepção da 
temporada de 1980/1981 em representou o
Campinense na 3ª Divisão.
Cravo fez parte efectivo da primeira equipa
do Quarteirense que competiu na 3ª Divisão
em 1975/1976 e em 1981/1982 sagrou-se Campeão
Distrital nos "Lobos do Mar" de Quarteira.
Cravo fazia parte das equipas do Quarteirense
dos finais dos anos 70 e início dos anos 80
que contavam com vários outros "históricos"
do clube,como é o caso de Bertílio,Baptista,
Carlos André,Paulo José e os irmãos Quim Paulo 
e José João.




Cravo a titular a titular no Quarteirense com 19 anos,
na época de 1975/1976













Cravo decisivo no Quarteirense em jogo da Taça de
Portugal em 1977/1978




















Cravo,em baixo,á esquerda,no Campinense em 1980/1981



















Cravo,em baixo,á esquerda,no Quarteirense em 1982/1983



Cravo,em baixo,á direita,no Quarteirense em 1983/1984




















Cravo em destaque no Quarteirense em 1983/1984























Cravo,em baixo,á direita,capitão no Quarteirense em
1984/1985




















Cravo titular no Quarteirense em 1984/1985