terça-feira, 24 de agosto de 2010

NUNES

(Mário Ribeiro Nunes,7/2/1943, Porto)
Médio

57/58-Sintrense---------juv.
58/59-Sintrense---------juv.
59/60-Benfica-----------jun.
60/61-Benfica-----------jun.
61/62-Olhanense---------I
62/63-Desportivo Beja---III
63/64-Desportivo Beja---II
64/65-Cova da Piedade---II
65/66-Almada------------II
66/67-Almada------------II
67/68-Almada------------II
68/69-Farense-----------III
69/70-Farense-----------II
70/71-Farense-----------I
71/72-Farense-----------I
72/73-Portimonense------II
73/74-Portimonense------II











































Nascido no Porto e iniciado no futebol
em clubes de Lisboa,Mário Nunes teve os
seus melhores períodos da carreira de
jogador no Algarve e Alentejo.
A sua estreia no futebol sénior foi
feita no Olhanense em 61/62 na 1ª Divisão,
onde cumpriu apenas 3 jogos.
No Desportivo de Beja
alcançou a subida a
2ª Divisão
,sendo titular numa excelente
equipa bejense que contava com os irmãos
Madeira e sob o comando de Valentim Alexandre.
De volta ao Algarve depois de algumas
temporadas no Almada,Nunes contribuiu para
um período de grande pujança do Farense,
quando em 3 épocas o clube de Faro subiu
consecutivamente da 3ª para a 1ª Divisão.
Na primeira época no escalão principal ao
serviço dos farenses,Mário Nunes participou
em 24 jogos e marcou um golo que ficou na
historia,o da primeira vitoria(1-0)do Farense
sobre o Benfica na 1ª Divisão.
A seguir Mário Nunes transfere-se para o
Portimonense e também ai ficaria ligado
á
história do clube de Portimão.Foi ele,já
como treinador,que levou o clube a alcançar,
pela primeira vez,o escalão principal do
nosso futebol em 75/76.







Nunes,o 4º em baixo,da esquerda,no Desportivo
de Beja em 1963/64

Nunes,o 3º em cima,da esquerda,no Farense em 1971/72

Nunes no Olhanense


Mário Nunes,o 5º em cima da esquerda,o técnico do 
Portimonense na primeira subida á 1ª Divisão















































Carreira de treinador: 

74/75-Portimonense---------II(Jogador/treinador)
75/76-Portimonense---------II
76/77-Portimonense---------I(
até á 16ªjorn.)
77/78-Lusitano Évora-------II(incompleta)

78/79-Vila Real------------III
79/80-Lusitânia Açores-----III
80/81-Lusitânia Açores-----II
81/82-Oliveirenses Açores--III
82/83-Estoril--------------I
83/84-Silves---------------II(incompleta)
84/85-Sanjoanense----------II
85/86-Marítimo-------------I(
até á 6ªjorn.)
86/87-
87/88-O Elvas--------------I(
até á 22ªjorn.)
88/89-Amarante-------------II
89/90-I.R.Tanger-----------I(Marrocos)
90/91-I.R.Tanger-----------I(Marrocos)
91/92-Louletano------------II H.
92/93-Lusitânia Açores-----III
93/94-Penafiel-------------II H.
94/95-
Montijo--------------II B
95/96-Montijo--------------II B
(incompleta)
96/97-Barreirense----------II B
97/98-Atlético-------------II B
98/99-Atlético-------------II B

98/99-G.D.Lagoa------------III
99/00-Portimonense---------II B
00/01-Torres Novas---------II B
01/02-
02/03-Madalena-------------III
03/04-Montijo--------------III
04/05-
05/06-





A ficha de Mário Nunes em 1976

Nunes no Marítimo













Ficha de Nunes em 1985












Ficha de Mário Nunes em 1993

domingo, 22 de agosto de 2010

PITEIRA

(Carlos Manuel Orelha Piteira,4/7/1973,Cuba)
Defesa

86/87-Desportivo Beja----ini. 
87/88-Desportivo Beja----ini. 
88/89-Desportivo Beja----juv.
89/90-Desportivo Beja----juv.
90/91-Desportivo Beja----jun.
91/92-Desportivo Beja----III
92/93-Desportivo Beja----III
93/94-Desportivo Beja----III
94/95-De
sportivo Beja----III
95/96-Campomaiorense-----I
96/97-Campomaiorense-----II H.
97/98-Imortal------------II B
98/99-Imortal------------II B
99/00-Felgueiras---------II H.
99/00-Marco--------------II B
00/01-Sporting Covilhã---II B
01/02-Sanjoanense--------II B
02/03-Desportivo Beja----III
03/04-Desportivo Beja----III
04/05-Imortal------------III
05/06-Castrense----------Dist.
06/07-Castrense----------Dist.*

-----------------------------
09/10-Odemirense---------Dist.
*

*Jogador / Treinador








Defesa alentejano com carreira feita
de norte a sul do Pa
ís,Carlos Piteira
ajudou a conquistar vários títulos e
subidas de Divisão nos diversos clubes
onde jogou.Em 1994/95 foi Campeão da
Serie F da 3ª Divisão com o Desportivo,
em 1996/97 sagrou-se Campe
ão da Divisão
de Honra com o Campomaiorense e em 1998/99
ganhou a Zona Sul da 2ª Divisão B com
o Imortal de Albufeira.
No pouco tempo que jogou no Marco ainda
ajudou o clube a ganhar o campeonato da
2ª Divisão B,Zona Norte.
Finalizada a carreira de jogador,começou
a de treinador,onde já conta com 2 títulos,
Campeão e vencedor da Taça Distrital com
o Odemirense em 2009/10.





Piteira,o 2º em cima,da esquerda,no "seu" Desportivo de Beja
Carlos Piteira,o 4º em cima,da esquerda,no Imortal em 1998/99

Carlos Piteira,jogador-treinador do Odemirense em 2009/10










Carreira de treinador:

07/08-Desportivo Beja----Dist.
08/09-Odemirense---------Dist.
09/10-Odemirense---------Dist.
10/11-Odemirense---------III

----------------------------
12/13-M.Aljustrelense----III

Noticia das novas funções de Piteira no Castrense em 06/07





sábado, 21 de agosto de 2010

REIZINHO

(Joaquim José Martins Reisinho, 17/8/1952,Quarteira)
Defesa-central

70/71-Louletano--------Dist.
71/72-Quarteirense-----Dist.
72/73-Quarteirense-----Dist.
73/74-Quarteirense-----Dist.
74/75-Quarteirense-----Dist.
75/76-Quarteirense-----III
76/77-Quarteirense-----III
77/78-Quarteirense-----III
78/79-Farense----------II
79/80-Farense----------II
80/81-Silves-----------II
81/82-Louletano--------III
82/83-Louletano--------III
83/84-Imortal----------Dist.
84/85-Quarteirense-----III
85/86-Quarteirense-----III
86/87-Quarteirense-----III
87/88-Almansilense-----Dist.















































O primeiro clube federado de Reizinho foi
o Louletano,em 1970/71,tendo o jogador,
com 18 anos,feito logo parte da equipa 
principal do clube de Loulé que competia
no Distrital algarvio.
Na época seguinte,com a criação a equipa
de futebol do Quarteirense,clube da sua
terra natal,Reizinho,juntamente com outros
grandes nomes do popular clube de Quarteira,
como são os irmãos José João e Quim Quim,
passou a jogar nos "Lobos do Mar.
Reizinho fez parte da histórica equipa do
Quarteirense que se sagrou pela primeira
vez Campeã Distrital,na época de 1974/75,
ascendendo á 3ª Divisão,onde se manteve por
alguns anos.
Defesa-central de bom nível,Reizinho foi
contratado pelo Farense em 1978/79,onde
se manteve na temporada seguinte,alinhando
a titular na 2ª Divisão,Zona Sul.
A seguir,Reizinho faz uma época no Silves
e duas no Louletano,jogando sempre a titular
e sendo também o capitão de equipa.
Depois de uma temporada no Imortal,o defesa
volta ao "seu" Quarteirense para mais 3
épocas na 3ª Divisão.
Reizinho termina a carreira de jogador em
boa forma,sagrando-se Campeão Distrital
com o Almancilense em 1987/88







Ficha da primeira inscrição de Reizinho no Quarteirense

Reizinho,o 2º em cima,no Farense em 1979/80

Recorte retirado do "Jornal do Algarve" de 1980

Reizinho,o 4º em cima,da esquerda,capitão do Louletano
em 1981/82













Reizinho,em cima,á direita,no Imortal em 1983/84

Reizinho,em cima,á direita,no Quarteirense em 1984/85
Reizinho,o 5º em cima,da esquerda,no Quarteirense em
1986/87
Reizinho,o 4º em baixo,da esquerda,Campeão Distrital
no Almancilense em 1987/88




sexta-feira, 20 de agosto de 2010

TOLINHAS

(António da Glória Pião,1/11/1919,Lagos)
Guarda-redes

37/38-Sport Lisboa Lagos--reserv.
38/39-Sport Lisboa Lagos--Region.
39/40-Sport Lisboa Lagos--Region.
40/41-Sport Lisboa Lagos--Region.
41/42-Sport Lisboa Lagos--Region.
42/43-Olhanense-----------reserv.
43/44-Olhanense-----------I
44/45-Olhanense-----------I
45/46-Olhanense-----------reserv.









 



















 









Tido como um dos melhores Guarda-redes
da hist
ória do Sport Lisboa e Lagos(hoje
Sport Lagos e Benfica),
António Pião(ou
Peão),viu o seu valor reconhecido pelo 
emblema do Algarve mais forte nos anos 40,
o Olhanense,que o contratou em 1942 para
a equipa que disputava a 1ª Divisão Nacional.
Em Olhão,onde António Pião ganhou a alcunha de
"Tolinhas",fez parte dos plantéis rubro-negros
durante algumas épocas,alinhando também
pela equipa de Reservas do clube do
sotavento algarvio,fixando-se em Olhão
depois de terminar a carreira.
 







Um dos poucos jogos como titular na primeira
equipa do Olhanense foi contra o Benfica, na
temporada de 1943/44
Tolinhas,em cima,á esquerda,no Sport Lisboa e Lagos

sexta-feira, 13 de agosto de 2010

VADO

(Osvaldo Couto Cardoso Pinto, 5/3/69,Malange-Angola)
Médio-ofensivo

81/82-Torralta-------------ini
82/83-Torralta-------------ini.
83/84-Torralta-------------juv.
84/85-Torralta-------------juv.
85/86-Torralta-------------jun.
86/87-Torralta-------------jun.
87/88-Torralta-------------III
88/89-Portimonense---------I
89/90-Portimonense---------I
90/91-Portimonense-----
----II H.
91/92-Marítimo-------------I
92/93-Marítimo-------------I
93/94-Marítimo-------------I
94/95-Marítimo-------------I
95/96-Sporting Braga-------I
96/97-Desportivo Beja------II H.
97/98-Desportivo Beja------II B
98/99-Portimonense---------II B
99/00-Portimonense---------II B
00/01-Portimonense---------II B.
01/02-Operário Açores------II B
02/03-Silves---------------III
03/04-Silves---------
------III
04/05-Silves---------------III
05/06-Juv.Monchiquense-----Dist.
























































Jogador nascido em Angola mas com
carreira sempre ligada ao Algarve,
Vado estreou-se nos seniores do
Torralta no ultimo ano de existência
do clube empresa de Alv
or antes de
ser "anexado" ao Portimonense.
E foi no Portimonense que o angolano
deu nas vistas ao fazer um
a excelente
primeira temporada(21 jogos,4 golos)
na divisão principal do nosso futebol,
tendo sido premiado com a chamada
á
selecção nacional no final da época de
88/89.
Depois de 4 épocas titularissimo no
meio campo do Maritimo,onde atingiu o
pico da sua carreira,com mais 2 chamadas
a selecção,Vado vai pa
ra Braga onde nãoé muito feliz.
Volta ao sul do País e após 2 épocas em
Beja retorna ao Portimonense
,desta vez
na Segunda B.
Terminaria a carreira na serra Algarvia,
ao serviço do Juventude Monchiquense,no
Distrital Algarvio.



Vado no Portimonense








Recorte de 1991
















Recorte de 1995














Recorte de 1990