quinta-feira, 4 de março de 2021

GUTA

(Augusto das Neves Domingos,30/5/1948,Faro)
Avançado
63/64-Faro Benfica         juv. 
64/65-Faro Benfica         juv.
65/66-Farense              jun.
66/67-Faro Benfica         Dist.
67/68-Faro Benfica         III
68/69-Benfica              reserv.
69/70-inactivo
70/71-inactivo
71/72-inactivo
72/73-Olhanense            II

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Guta teve uma carreira curta como jogador 
de futebol federado,mas recheada de momentos 
marcantes e alguns títulos conquistados.
Começando no Sport Faro e Benfica,Guta
deu nas vistas como um avançado hábil e 
fogoso que,quando passou para os júniores,
foi jogar para o Farense onde foi treinado
pelo antigo guarda-redes Isaurindo e se 
sagrou Campeão Distrital.
Em 1967/1968,de volta no Faro e Benfica,
Guta é uma das figuras da equipa que se
qualifica para disputar a 3ªDivisão,nessa
mesma época,alinhando ao lado de Alfredo
"Basora",o veterano treinador/jogador
dessa equipa.
No início da época de 1968/1969,Guta é
contratado pelo Benfica,numa transferência
surpresa que envolveu 50.000 escudos e um
jogo para os "encarnados" realizarem em Faro.
Guta chegou ao Benfica ao mesmo tempo que
Toni,que vinha da Académica e de outro
algarvio,Manuel José,que vinha do Belenenses.
Sem espaço na primeira equipa,Guta apenas
alinhou algumas partidas na equipa de
reservas do Benfica,tendo entretanto sido
chamado ao serviço militar obrigatório
que o deixou afastado do futebol durante
alguns anos.
De volta ao Algarve,Guta é contratado pelo
Olhanense em 1972/1973 e faz parte da equipa
rubro-negra que se sagrou Campeã da 2ª
Divisão,Zona Sul,ascendendo á 1ªDivisão.
Guta entretanto entra para o I.N.E.F.
e retira-se do futebol federado para
prosseguir profissionalmente como professor
de Educação Fisíca.


 


 

Guta,aqui referido pelo seu nome,Domingos,titular
no Faro e Benfica 1966/1967 

Guta,o 3º em baixo,da esquerda em 1966/1967 já na equipa
sénior do Faro e Benfica


Guta,o 2º da direita,em baixo,no Faro e Benfica em1967/1968

Notícia "Jornal do Algarve" do ingresso de Guta no Benfica 
em 1968 

Guta,em baixo,á esquerda,com a faixa de Campeão da
2ªDivisão,Zona Sul,com o Olhanense em 1972/1973

 Guta,o 5º em baixo,da esquerda,no Olhanense em 1972/1973
















































 Guta homenageado pelo Munícipio de Faro em 2020

 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
(Dados obtidos com a colaboração do próprio)

terça-feira, 2 de março de 2021

JORGE SHÉU

(Jorge Manuel Costa Martins,26/11/1967,Ervidel-Aljustrel)
Avançado
79/80-Zona Azul Beja          inf.
80/81-inactivo
81/82-Os Tribunas Beja        ini.
82/83-Os Tribunas Beja        juv.
83/84-Os Tribunas Beja        juv.
84/85-Os Tribunas Beja        jun.
85/86-Alvorada Ervidel        Dist.
86/87-Alvorada Ervidel        Dist.
87/88-Vasco da Gama Sines     III
88/89-Alvorada Ervidel        Dist.
89/90-Castrense               Dist.
90/91-Mineiro Aljustrelense   III
91/92-Castrense               Dist.
92/93-Castrense               III
93/94-Castrense               III
94/95-Castrense               III
95/96-Castrense               III
96/97-Castrense               III
97/98-Castrense               III
98/99-Castrense               III
99/00-União Santiago Cacém    Dist.
00/01-Ourique                 III
01/02-Castrense               Dist.
02/03-Castrense               Dist.
03/04-Castrense               Dist.
 

 

 

 

 

 

 

 

 

 



 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 
 
 
 
 
 
 
Jorge Shéu fez a formação em dois pequenos
emblemas bejenses,já desaparecidos,o Zona 
Azul e Os Tribunas,clubes que se dedicavam
mais aos escalões jovens nos anos 80 e por
onde passaram muitos outros jovens jogadores
bejenses que fizeram boas carreiras no
futebol alentejano e nacional,como os defesas
Jorge Shéu,ponta de lança de boa técnica e
bom rematador foi,durante a sua longa carreira,
invariavelmente o melhor marcador das equipas
onde atuou,com destaque para as 12 épocas ao
serviço do Castrense onde se sagrou Campeão
Distrital em 1991/1992.
Como jogador sénior,Jorge Shéu fez as primeiras
épocas no clube da sua terra natal,o Alvorada
F.C. de Ervidel na 2ªDivisão Distrital de Beja,
onde era o melhor jogador e principal marcador.
As suas qualidades levaram-no a ser contratado
pelo Vasco da Gama de Sines,na 3ªDivisão.Ai
ficou apenas uma temporada,retornando a Ervidel
na época seguinte.
Além do Alvorada e do Castrense,onde jogou mais
tempo,Jorge Shéu representou também o Mineiro
Aljustrelense,o União de Santiago do Cacém e o
Ourique D.C.
 
 

 

 

 

Jorge Shéu,o 2º em cima,da direita,nos júniores dos
Tribunas de Beja em 1984/1985


 
Jorge Shéu,o 2º em cima,da direita,capitão no Alvorada
de Ervidel

Jorge Shéu,autor de 5 golos pelo Mineiro Aljustrelense 
em 1990/1991
Jorge Shéu,o 2º em cima,da direita,no Mineiro Aljustrelense
Jorge Shéu,autor de 7 golos no Castrense em 1991/1992



Jorge Shéu,o 4º em cima,da esquerda,no Castrense
em 1994/1995







Jorge Shéu em destaque em um jornal alentejano

Jorge Shéu,em cima,á esquerda,no Castrense em 1995/1996





Jorge Shéu,em cima,á direita,capitão do Castrense








Jorge Shéu,o 2º em cima,da esquerda,no Castrense em
2001/2002




















segunda-feira, 1 de março de 2021

VALONGO

(António Manuel da Silva Valongo,21/6/1958,Castro Marim)
Médio / Avançado
73/74-Lusitano V.R.S.A.          juv.
74/75-Lusitano V.R.S.A.          juv.
75/76-Lusitano V.R.S.A.          jun.
76/77-Lusitano V.R.S.A.          III
77/78-Lusitano V.R.S.A.          III
78/79-Lusitano V.R.S.A.          III
79/80-Lusitano V.R.S.A.          III
80/81-Lusitano V.R.S.A.          III
81/82-Louletano                  III
82/83-inactivo
83/84-Boavista Castro Marim      Dist.
84/85-Boavista Castro Marim      Dist.
85/86-inactivo
86/87-inactivo
87/88-Castromarinense            Dist.

 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
Valongo nasceu nasceu em Castro Marim mas foi
no Lusitano de V.R.S.A. que começou a jogar
como jogador federado,chegando á equipa sénior
dos lusitanistas aos 18 anos,disputando a
3ªDivisão.
Jogador polivalente,que jogava entre o meio
campo e o ataque,pela esquerda ou pelo centro
do terreno,Valongo fez 5 épocas consecutivas
alinhando regularmente no Lusitano na 3ªDivisão
até que,em 1981/1982,foi transferido,juntamente
com Virgílio,João Louro,José Eduardo e o guarda-
redes Barão,todos do Lusitano,para o Louletano
pela mão do treinador vilarealense Joaquim Reina.
A temporada em Loulé não correu tão bem e Valongo
saiu no fim da época,tendo ficado na época
seguinte sem jogar a nível federado.
Entre 1983 e 1985,Valongo jogou na sua terra
natal,no Grupo Desportivo Boavista onde ajudou
na única subida do pequeno clube de Castro Marim
á 1ªDivisão Distrital em 1983/1984.
O G.D.Boavista teve presença efêmera no futebol
Distrital federado e em 1985 fundiu-se com o
Castro União Futebol Clube para dar origem ao
atual União Castromarinense.
Depois de 2 anos sem jogar em clubes federados,
Valongo veio a alinhar uma última temporada 
exactamente no Castromarinense.
Como treinador,Valongo ainda trabalhou durante
algum tempo no G.D.Alcoutim,para depois deixar
o futebol definitivamente.
Figura muito conhecida e respeitada na comunidade
de Castro Marim,António Valongo faleceu em 2021.
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
Valongo,com 18 anos, titular no Lusitano em 1976/1977

Valongo,o 4º da esquerda,em baixo,no Lusitano em 
1977/1978

Valongo a titular a extremo esquerdo no Lusitano

 Valongo a titular no Lusitano V.R.S.A. em 1978/1979

 
Valongo,o 2º em baixo,da esquerda,no Lusitano em
1979/1980

 Valongo,em baixo á direita,no Louletano em 1981/1982

Valongo alinhando no meio campo do Boavista de Castro 
Marim em 1984/1985

 Notícia do falecimento de Valongo no "Jornal do Algarve