quinta-feira, 12 de março de 2020

QUIM

(Joaquim Gamaliel Salgado Alves,8/1/1923,Mora)
Extremo-esquerdo / Avançado
41/42-Mora                Torn.Pop.
42/43-Mora                Torn.Pop.
43/44-Sport L.Elvas       *
44/45-Sport L.Elvas       II
45/46-Sport L.Elvas       I
46/47-Os Avisenses        Torn.Pop.
47/48-Vitória Setúbal     I
48/49-União Montemor      Dist.
49/50-União Montemor      II
50/51-União Montemor      II 
55/56-União Montemor      II
51/52-União Montemor      II
52/53-União Montemor      II
53/54-União Montemor      II
54/55-União Montemor      II
55/56-União Montemor      II
56/57-União Montemor      II 









































Quim foi um versátil avançado que começou por
jogar em grupos de futebol popular na sua terra
natal,a Vila de Mora no Alto Alentejo.
Em 1943/1944,Quim inscreve-se no Sport Lisboa
e Elvas mas o clube não participa nas competições
federadas,efetuando apenas jogos amigáveis ou
particulares.
Foi na época seguinte que Quim teve o seu
momento mais alto no S.L.E.,com a conquista do
Campeonato Regional de Portalegre e Campeonato da
2ª Divisão Nacional,permitindo assim a subida dos
"encarnados" de Elvas á 1ª Divisão.
Alinhando a extremo-esquerdo,Quim foi bastantes
vezes utilizado no escalão máximo na época seguinte
pelos elvenses.
Em 1947/1948,Quim aparece no Vitória de Setúbal
 ainda na 1ª Divisão,para na época seguinte
rumar a Montemor,onde ao serviço do União,fazer
10 temporadas de bom nível e ficar como um dos 
jogadores mais populares e de qualidade mais
reconhecida da história do G.U.S.
No União,Quim está na subida á 2ª Divisão,em 1948/
1949 e em várias boas classificações da equipa em 
toda a década de 50,ficando algumas vezes perto
da subida á 1ª Divisão.
Quim é pai do antigo médio,também conhecido por
Quim,que fez carreira igualmente no União de
Montemor nos anos 70 e 80.











Quim,o meio em baixo com a bola,no C.F.Os Avisenses
em 1946 em um torneio de futebol popular

Quim,em baixo,á direita,no Sport Lisboa e Elvas

Quim no S.L.Elvas em 1944/1945
























Quim,em baixo á direita,titular no Sport Lisboa e Elvas









Quim titular no S.L.Elvas em 1945/1946





















Cartão de jogador de Quim no Vitória de Setúbal em 1947/1948


Quim,o 4º em baixo,da esquerda,no União de Montemor












Quim,o 4º em baixo,da esquerda,no União de Montemor
em 1949/1950


















Quim,á esquerda,no União de Montemor em
1953/1954























Quim,o 3º em cima,da esquerda,no União de Montemor
em 1955/1956

















Quim integrou também a equipa das "Velhas Guardas"
do União de Montemor







































quarta-feira, 11 de março de 2020

JOÃO da PALMA

(João Bernardo da Palma ,1919, Barreiro)
Avançado / Interior
37/38-G.D.Os Celtas      Torn.Pop.
38/39-CUF Barreiro       II
39/40-Unidos Barreiro    II
40/41-Unidos Barreiro    II
41/42-Unidos Barreiro    II
42/43-Unidos Barreiro    I
43/44-Unidos Barreiro    II
44/45-CUF Barreiro       II
45/46-Olhanense          I
46/47-Olhanense          I
47/48-Olhanense          I
48/49-Olhanense          I
49/50-Olhanense          I
50/51-Olhanense          I





































Avançado hábil,rápido e bom finalizador,João
da Palma deu nas vistas no Unidos,designação
da C.U.F. do Barreiro durante algumas épocas
por motivos políticos.
Foi no clube-empresa do Barreiro que Palma
conquistou os seus primeiros títulos no futebol,
como o Campeonato Regional de Setúbal em
1942/1943,acabando com a hegemonia dos "crónicos"
vencedores (Barreirense e Vitória de Seúbal),
a subida á 1ª Divisão em 1941/1942 e os 2 títulos
de Campeão Nacional da 2ª Divisão em 1943/1944 e
1944/1945.
Após essas épocas na C.U.F.,João da Palma é
contratado pelo Olhanense,a grande potência do
futebol algarvio da época a competir na 1ªDivisão.
Logo na primeira temporada,1945/1946,Palma é
um dos melhores marcadores da equipa,14 golos,só
atrás de Salvador (17) e Cabrita (15).
Nos "rubro-negros" de Olhão,João da Palma faz
6 épocas,nem sempre um titular indiscutível
devido a lesões e também devido á forte 
concorrência no ataque olhanense que contava com 
Cabrita,Salvador,Joaquim Paulo,Eminêncio,Gomes,
ou Carmo,mas sempre com bom aproveitamento,
contribuindo para a conquista de 2 Campeonatos 
Regionais,1945/1946 e 1946/1947.
João da Palma deixou o Olhanense quando o clube
desceu á 2ª Divisão em 1950/1951.







João da Palma,no Unidos,autor de 3 golos contra a sua
futura equipa,o Olhanense,em 1942/1943






João da Palma,o 2º em baixo,da esquerda,no Unidos 
do Barreiro em 1943


João da Palma em destaque nos Unidos do Barreiro


João da Palma em entrevista á revista "Stadium" em 1944

João da Palma na estreia pelo Olhanense em 1944
João da Palma,o 2º em baixo,da esquerda,no Olhanense
em 1945/1946

















































































João da Palma em destaque no Olhanense


















João da Palma no Olhanense em 1950/1951





































domingo, 8 de março de 2020

CARAPINHA

(Arménio Mendes Toscano,10/5/1954,Campomaior)
Extremo-esquerdo / Avançado
70/71-Sporting             juv.
71/72-Sporting             jun.
72/73-Campomaiorense       III
73/74-Campomaiorense       III
74/75-Campomaiorense       III
75/76-Campomaiorense       III
76/77-Campomaiorense       III
77/78-O Elvas              III
78/79-O Elvas              II
79/80-O Elvas              III
80/81-Campomaiorense       III
81/82-E.Portalegre         III
82/83-E.Portalegre         II
83/84-O Elvas              II
84/85-D.Portalegrense      III
85/86-D.Portalegrense      III
86/87-D.Portalegrense      III








































Extremo-esquerdo ou médio talentoso,Carapinha
fez parte das equipas jovens do Sporting
onde alinhou com Jorge Jesus,este também na
sua iniciação no futebol.
Quando passou a sénior,Carapinha voltou á
sua terra natal para alinhar no Campomaiorense
na 3ª Divisão,onde era sempre elemento de 
destaque.
Com 24 anos,Carapinha é contratado pelo Elvas
C.A.D.,clube que já ambicionava jogar em
Divisões superiores.
Nesta sua primeira passagem por Elvas,Carapinha 
está na subida á 2ª Divisão em 1977/1978
deixando o clube em 1980 para retornar ao
"seu" Campomaiorense.
Em 1981/1982 transfere-se para mais um clube
da região,o Estrela de Portalegre,onde
festeja mais uma subida á 2ª Divisão Nacional.
Em 1983/1984 volta a representar o Elvas e na
época seguinte volta a Portalegre mas para jogar
no outro clube da cidade,o Desportivo.
Após 3 épocas no G.D.P. alinhando na 3ª Divisão,
Carapinha,cuja alcunha vem de antigos jogadores
do Campomaiorense dos anos 50 e 60,encerra a
carreira de jogador.
Como treinador,Arménio Carapinha tem uma breve
passagem pelo Elvas C.A.D. em 1990/1991. 









Carapinha na equipa de júniores do Sporting



Carapinha,como substituto utilizado,no Campomaiorense
em 1975/1976








Carapinha,o 3º em baixo,da direita,no Campomaiorense
em 1976/1977



Carapinha,o 2º em baixo,da esquerda,no Elvas em 1978/1979












 
Carapinha em destaque no Elvas em 1978/1979






 
Carapinha,o 2º em baixo,da direita,no Elvas em 1979/1980









 
Carapinha,o 2º em baixo,da direita,no Campomaiorense
em 1980/1981



 
Carapinha no Estrela de Portalegre em 1981/1982,
subida á 2ª Divisão

Carapinha em destaque no Desportivo Portalegrense
em 1985/1986